PUBLICADO EM 15/10/2018

Em parceria com Jhené Aiko, Kris Wu lança seu novo single “Freedom”

 

Em parceria com Jhené Aiko, Kris Wu lança seu novo single “Freedom”

Após mover processo contra a SM Entertainment no ano de 2014, ficar ocioso por um período de dois anos, Kris Wu, ex-integrante do grupo EXO vem tendo um ótimo 2018. A Universal Music Group anunciou em abril deste ano que assinou com o artista um contrato de gravação internacional exclusivo. O acordo com o produtor musical, cantor, compositor e ator de 27 anos é a mais recente e maior empreitada para construir incursões no mercado chinês.

Sob o contrato, Kris lançará futuras músicas internacionalmente através de uma parceria com a Universal Music China, a Interscope Geffen A&M nos E.U.A, a Island Records no Reino Unido e a UMG global em mais de 60 países. O acordo exclui o Japão e a Coreia do Sul. Fora as pontas em diversos filmes de Hollywood e seu primeiro single desta nova fase, Kris Wu planeja o lançamento de seu primeiro álbum no mercado internacional ainda este ano. Agora cá estamos com seu novo trabalho, “Freedom”, em parceria com a cantora norte-americana Jhené Aiko.

Talvez “Freedom” passasse batida por mim não fosse sua similaridade às produções antigas de Kanye West, este por vez, merecedor dos louros trazidos pelo seu álbum “808s & Heartbreak”, lançado no ano de 2008. Além de popularizar o uso exagerado do Auto-Tune, West também fez inserções do Electropop e Synthpop para o seu estilo dominante, o Hip Hop. Com aprovação da crítica e público, “808s & Heartbreak” continua a influenciar inúmeros artistas ao redor do mundo desde então. Há quem sinta estranhamento, mas é inegável os bons frutos desse experimentalismo, e um bom resultado disso é “Freedom”.

A canção começa arrastada, tocando a melodia de trás para frente para depois seguir num ritmo latino, onde passam camadas de violão e um pano de fundo orquestral que evolui sem pressa. As vozes de Wu e Aiko com o exagero do Auto-Tune estão lá, assim como toda a premissa do filme Gravidade (2013, Warner Bros.) também. “Freedom” fala dos desafios de encontrar “espaço” num relacionamento. Um pequeno desgaste na malha dessa grande massa escura, condensada e infinita, porém, o espaço parece ser sempre relativo quando comparado com o tempo que se tem, ou se acha ter. Definitivamente uma ótima surpresa.

Nós estamos no Facebook e você também pode nos achar no Instagram, e Twitter, curta as páginas e fique por dentro do UNIVERSO REVERSO.

 

 

SOBRE O AUTOR

Carla Lins

Exploradora de sonoridades diversas. Estive alguns anos por trás da cena e todos os outros por paixão. Sempre caminhando em busca de novas linguagens, notas e acordes, também carrego no bolso uma porção de lirismo que, por vezes, escorrem pela minha escrita, diretamente de Recife - câmbio!

 

 


RELACIONADOS